QUANDO A POLÍTICA SE TRANSFORMA EM COMÉDIA