spot_img

Esgoto a céu aberto causa transtornos aos moradores do bairro Bálsamos, em Itabira

Os moradores do bairro Bálsamos, em Itabira, estão enfrentando sérios problemas com o vazamento de esgoto na Avenida Mandrágora. O mau cheiro e o líquido de excrementos estão invadindo a residência.

Segundo informações, a situação acontece há cerca de duas semanas em uma “cratera” na avenida. O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) já foi informado da situação desde o início, mas não solucionou o problema.

- Publicidade -

De acordo com populares, há vários pontos de vazamento de esgoto na extensão da Avenida Mandrágora e o Saae já foi notificado, mas nada fez.

Risco à saúde e ao meio ambiente

Além do mau cheiro, o esgoto a céu aberto apresenta riscos diretos à saúde humana. Conforme o site “BRK Ambiental”, especializado no assunto, são inúmeras as doenças de veiculação hídrica causadas pelo descarte incorreto do esgoto gerado nas residências.

Muitos micro-organismos (protozoários, vírus, bactérias e parasitas) têm sua proliferação favorecida pela ausência de saneamento, o que acaba expondo quem mora nessas regiões a diversas enfermidades — e muitas delas podem ser fatais. Entre as principais doenças transmitidas pela ausência de tratamento de água e esgoto estão: diarreias, principalmente as causadas por bactérias E.coli; amebíase; cólera; leptospirose; disenterias; hepatite A; esquistossomose; febre tifoide; ascaridíase e toxoplasmose.

O vazamento também prejudica o meio ambiente, ainda mais nesta localidade – que é próxima ao Rio de Peixe: “o meio ambiente, em especial, lagos, rios e mares, também sofrem diretamente com o esgoto lançado de forma incorreta. Isso inclui os seres vivos que habitam esses ecossistemas. Além de prejudicar a utilização desses recursos naturais pelos humanos, a presença de esgoto na água aumenta a sua oxigenação, o que pode causar a morte de peixes e de outras formas de vida aquáticas”, diz o artigo do “BRK Ambiental”.

spot_img
** Os comentários de internautas em publicações das redes sociais do Notícias Uai não representam, necessariamente, a opinião deste portal e são de inteira responsabilidade do autor.

Ação não permitida.