Itabira: carro de luxo da prefeitura, com motorista pago com dinheiro público, é usado para atender serviços particulares do vice-prefeito

spot_img
spot_img

Nesta quarta-feira, 13 de março, o vice-prefeito Marco Antônio Gomes (que também é médico) foi flagrado pela nossa reportagem usando um veículo de luxo da Prefeitura Municipal, com o motorista da prefeitura, em atendimento particular e profissional fora da esfera do cargo político.

Era por volta das 13h40m da tarde quando o vice-prefeito chegou ao Hospital Carlos Chagas em um carro de luxo para um atendimento. O automóvel e o motorista são pagos com dinheiro público.

O Notícias Uai filmou tudo e está repassando as imagens ao Ministério Público.

Com uma mochila nas costas ele desceu do veículo e entrou na unidade hospitalar. Logo depois, o motorista estacionou e ficou do lado de fora esperando. Assim que avistou a reportagem, ele entrou para dentro do carro. O Notícias Uai filmou a ação e perguntou o que ele fazia ali com o carro da prefeitura. Ao responder, o servidor se mostrou confuso e assustado com a situação. Primeiro, ele disse que veio trazer Marco Gomes para um atendimento, mas depois “desconversou” e falou que seria melhor perguntar ao vice-prefeito.

Em seguida, ele arrancou o veículo e saiu do local. Minutos depois, ele retornou. Assustado, ficou fazendo ligações ao telefone e disse que estaria entrando em contato com a “chefia” para dar explicações

Cerca de 20 minutos depois do retorno do motorista ao estacionamento do HMCC, o vice-prefeito veio e disse que o motorista estava lá para o levar à Prefeitura Municipal. Marco Gomes não quis comentar a vinda dele, deixando a entender que o veículo só foi o buscar, porém, a chegada dele foi presenciada pela reportagem.

De imediato, ligamos ao 190 e pedimos a presença da Polícia Militar para apreender o veículo, que é um bem público e estava sendo usado para fins particulares. O atendente ficou de passar a situação para o Comandante de Policiamento da Unidade (CPU).

Foram feitas várias perguntas ao vice-prefeito, que de cabeça baixa, tentando se desvencilhar dos questionamentos, disse que estava indo para a prefeitura.

Minutos depois, apareceu uma mulher tentando tirar o vice-prefeito das lentes de nossa câmera e ele voltou para dentro do hospital.

Pouco tempo depois, o motorista da prefeitura saiu com o veículo até a rua abaixo do hospital, sentido ao Centro. Ele ficou parado por cerca de 15 minutos e depois retornou para buscar o vice-prefeito, que estava prestando serviço particular no hospital.

Todo o flagrante foi filmado e fizemos a denúncia ao Ministério Público, pedindo providências.

A conduta de agente público que se utiliza de veículo pertencente ao ente público para atender interesse particular, sem qualquer atenção ao interesse público, constitui falta funcional grave e improbidade administrativa, sujeitando ao ressarcimento e apenamento previsto na legislação específica.

Diariamente estamos observando veículos da prefeitura sendo usados por detentores de cargos de agente político para atendimentos particulares.

O Notícias Uai entrou em contato com a Prefeitura de Itabira e com o vice-prefeito, mas não obteve retorno. Caso os citados queiram se manifestar, o espaço segue aberto.

Assista:

 

spot_img
spot_img
spot_img
** Os comentários de internautas em publicações das redes sociais do Notícias Uai não representam, necessariamente, a opinião deste portal e são de inteira responsabilidade do autor.

Ação não permitida.