spot_img
spot_img

São Gonçalo do Rio Abaixo continua ações mesmo com baixa em casos de dengue

spot_img
spot_img

A incidência de casos de dengue em São Gonçalo do Rio Abaixo está em constante queda. Em março foram 675 registros, em abril as confirmações caíram para 431 e até o dia 10 de maio foram apenas 23 registros.

A Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde do município atribui a queda ao período de poucas chuvas, mas alerta para a continuidade na manutenção de cuidados periódicos com quintais e vasos de planta, por exemplo, já que chuvas temporãs podem promover a eclosão de larvas. Assim, o município continua com as ações de UBV veicular e vistorias.

Desde o início do ano até o dia 10 de maio, a cidade registrou 2.045 casos de dengue e um óbito confirmado. Dois casos de Chikungunya foram confirmados e 30 continuam em análise pela Fundação Ezequiel Dias (Funed).

Os profissionais de saúde ainda alertaram para o aumento das síndromes respiratórias que se anteciparam esse ano. Eles reforçaram a importância da vacinação contra a Influenza disponível para os grupos prioritários que se estende até 31 de maio. Mesmo com a ampliação da faixa etária de vacinação pelo Ministério da Saúde, os municípios da Regional de Saúde de Itabira, a qual São Gonçalo pertence, não possuem doses suficientes para promover essa ampliação na região.

Nívia Leles/Acom/PSGRA

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
** Os comentários de internautas em publicações das redes sociais do Notícias Uai não representam, necessariamente, a opinião deste portal e são de inteira responsabilidade do autor.

Ação não permitida.