spot_img

São Gonçalo do Rio Abaixo vence em duas categorias do Prêmio Municípios Mineradores

São Gonçalo do Rio Abaixo venceu nas categorias educação e meio ambiente do Prêmio Municípios Mineradores.

Na área do meio ambiente, a organização do evento citou os seguintes destaques adotados pela cidade:

- Publicidade -
  • Universalização do acesso ao saneamento básico, com índices superiores à média do Estado/país.
  • Coleta seletiva e reciclagem de materiais.
  • Plano Diretor articulado com o Zoneamento Econômico Ambiental.
  • Regularização fundiária para estimular a preservação ambiental.
  • Criação de parques públicos e corredores ecológicos.
  • Desenvolvimento de atividades econômicas sustentáveis, como agricultura familiar, agrofloresta e turismo ecológico.
  • Programa de Qualidade do Solo e da Água.
  • Pagamento por serviços ambientais (PSA).
  • Fortalecimento do conselho municipal de meio ambiente, com informatização das atividades.

Já no setor da educação, a comissão ressaltou os seguintes destaques positivos do município:

  • Implementação de medidas para garantir a permanência dos alunos nas escolas, como Busca Ativa Escolar, transporte escolar e educação inclusiva.
  • Merenda escolar com foco em alimentos orgânicos.
  • Protagonismo da equipe de educação na gestão escolar.
  • Inovações no processo pedagógico, como robótica, educação integral e currículo local.
  • Manutenção preventiva e corretiva dos equipamentos escolares.

Prêmio Município Mineradores 

O evento tem como meta reconhecer o desempenho da gestão pública e boas práticas de governança em municípios com atividades de mineração. O prêmio é idealizado pelo Ministério de Minas e Energia (MME) e realizado pelo Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM) e pela Agenda Pública, com patrocínio da Vale e da Lundin Mining, além de apoio da Associação dos Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil (Amig) e da Frente Parlamentar da Mineração Sustentável (FPMin).

spot_img
** Os comentários de internautas em publicações das redes sociais do Notícias Uai não representam, necessariamente, a opinião deste portal e são de inteira responsabilidade do autor.

Ação não permitida.