Sogro e genro são presos vendendo drogas perto de igreja e escola no Vale do Aço

Um homem, de 58 anos, e o genro dele, de 28, foram presos suspeitos de envolvimento com tráfico de drogas no bairro Veneza II, em Ipatinga, na região do Vale do Aço, em Minas Gerais. Com eles, a polícia apreendeu três quilos de maconha, uma quantia em dinheiro e um carro. As drogas eram vendidas por eles em um espaço localizado próximo a uma igreja e uma escola pública. Eles foram alvos de uma operação na última terça-feira (21 de novembro).

De acordo com a Polícia Militar, ao comprar as drogas, os clientes deixavam o dinheiro em uma calçada, enquanto o suspeito mais velho jogava os entorpecentes da janela do imóvel onde a droga era armazenada. Em seguida, o genro, de 28 anos, saía e pegava o dinheiro deixado em frente ao imóvel. Um destes clientes foi abordado pelos militares, e informou onde havia comprado as drogas.

A polícia foi ao imóvel e durante a vistoria encontrou 12 buchas de maconha escondidas no vaso sanitário. Com a ajuda do cão farejador, também foram apreendidas mais três barras de maconha, além de uma quantia de R$ 1 mil e um carro, que estava com a documentação atrasada desde 2018.

O homem de 58 anos confessou ser responsável pelo material apreendido. Ele foi conduzido junto ao genro para a delegacia, onde prestaram depoimentos. A dupla, conforme a polícia, já era investigada por envolvimento com o tráfico de drogas.

 

Fonte: OTEMPO

** Os comentários de internautas em publicações das redes sociais do Notícias Uai não representam, necessariamente, a opinião deste portal e são de inteira responsabilidade do autor.