spot_img

Suspeito de homicídio aponta arma para a PM e acaba morto no interior de Minas

Um jovem de 20 anos morreu após apontar a arma duas vezes para policiais militares em Governador Valadares na tarde desta quarta-feira (21). A vítima era investigada por um homicídio cometido em Santa Efigênia de Minas.

Segundo informações, a Polícia Militar foi informada que o jovem e um outro suspeito estavam fazendo uma transmissão ao vivo ostentando um revólver. Os agentes identificaram a casa em que a dupla estava e foram até o local.

- Publicidade -

Os dois suspeitos foram abordados, sendo que um deles se rendeu e outro fugiu. Davi Gomes Freitas Soares sacou um revólver da cintura e apontou na direção dos militares, que realizaram sete disparos. O jovem continuou a fugir e pulou o muro em direção à residência vizinha, onde já havia outro policial.

Davi voltou a apontar a arma para o policial, que fez seis disparos ‘para conter injusta e iminente agressão’, segundo o boletim de ocorrência. Após ser atingido por um disparo, o jovem foi levado pelos próprios militares para uma unidade de saúde da cidade, mas ele não resistiu e morreu pouco depois.

Os militares envolvidos na ocorrência foram levados para a delegacia e tiveram suas armas recolhidas. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.

spot_img
** Os comentários de internautas em publicações das redes sociais do Notícias Uai não representam, necessariamente, a opinião deste portal e são de inteira responsabilidade do autor.

Ação não permitida.